Home » » A MARCHA DAS VADIAS

A MARCHA DAS VADIAS


Em janeiro deste ano, um policial de Toronto, no Canadá, deu uma declaração infeliz: disse que as mulheres tinham que evitar se vestir como prostitutas se não quisessem sofrer abuso sexual. A afirmação deu origem a Slut Walk, a Marcha das Vadias, que já aconteceu em Toronto, Los Angeles e Chicagos (EUA), Buenos Aires (Argentina), Amsterdã (Holanda), entre outras cidades do mundo.
A novidade é que o protesto atravessou a linha do Equador e chegou ao Brasil! São Paulo recebe o evento no sábado dia 3, a partir das 14h. A concentração está marcada na praça do Ciclista, na avenida Paulista com a rua Consolação, na região central da cidade.
No site oficial da Slut Walk, a organização diz que historicamente o termo slut (puta, vagabunda ou vadia, em português) tem conotação negativa e se tornou ferramenta de acusação grave de caráter.
"Somos um movimento exigindo que nossas vozes sejam ouvidas. Estamos aqui para exigir mudanças (...) Queremos sentir que seremos respeitadas e protegidas", diz o site.
Fonte: Revista Nova/Cosmopolitan e Tania Nienkotter Rocha
 
Support : Copyright © 2015. arte sania original - All Rights Reserved