Home » » SEXICONTO da NEGA

SEXICONTO da NEGA

Ela foi levada, por aquele homem até uma sala escura... Onde só havia um refletor sob uma cadeira.
Seu corpo tremia em estranhas sensações.... Sensações.
Ele a sentou na cadeira fria, enquanto suas perguntas, a deixavam sem ter o que responder.
Olhava aquele homem e inexplicavelmente, se sentia atraída por aquilo tudo.
A luz branca, forte, não deixava que ela percebesse que o mesmo desejo exalava dele.
E ela ria, em seu íntimo.
Ele chegou perto, sentiu seu hálito de hortelã e imediatamente seu rosto corou.
Ele a beijou com tesão. Ela sem resistência se entrega, se desnuda em frente aquele estranho desejo.
Ele coloca a mão sob seu vestido branco e desliza sob suas pernas.
Delicadamente chega em seu sexo, nos olhos ela via fogo, o mesmo fogo que sentia no olhar que a cada minuto lançava a ela.
Abriu as pernas sem resistir e logo, ele beijava seu sexo molhado.
Sua língua a percorria numa fome desesperada e ela gemia...
Misto de tesão e medo...Ela se entrega.
Sem medo, apenas desejo..
 
Support : Copyright © 2015. arte sania original - All Rights Reserved